Lojas virtuais faturam R$ 324 milhões no Dia dos Namorados

De acordo com o acompanhamento do comércio eletrônico realizado pela e-bit, o Dia dos Namorados, apesar de não ser a data mais aquecida para o varejo, promove uma movimentação importante nas vendas para garantir o faturamento no mês de junho.

Em 2008, o faturamento do período do Dia dos Namorados no comércio eletrônico (29/05 a 12/06) chegou à casa dos R$ 324 milhões, quase 10% a mais do que a expectativa de crescimento. Esse valor é conseqüência direta do maior volume de vendas, 43% maior em relação ao ano passado, quando alcançou um faturamento de R$ 227 milhões e elevação do valor médio das compras.

“É importante perceber que as datas comemorativas ainda são fortes e determinantes para se obter bons resultados no balanço anual. Até mesmo o Dia dos Namorados, que não costuma ser de grandes faturamentos como o Dia das Mães e o Natal, vem surpreendendo. Por isso é essencial que os varejistas, principalmente os virtuais, invistam nesses períodos, com publicidade on-line por meio da compra de espaços publicitários em importantes sites com grande tráfego, especialmente daqueles com seu público-alvo. Campanhas de e-mail marketing com foco em novas bases e sites de busca e comparação de preços podem trazer excelentes resultados”, afirma Pedro Guasti, diretor-geral da e-bit.

Em relação ao valor gasto em cada compra, ou seja, o tíquete médio do período, os casais gastaram uma média de R$ 320 em suas compras pela Internet. Em comparação ao ano passado, houve um aumento de aproximadamente 12% em relação ao tíquete médio atingido em 2007, quando gastaram R$ 287.

Já quando analisamos o ranking dos produtos mais vendidos, o primeiro lugar ficou para a categoria Livros com 22% de participação, um crescimento elevado se comparado ao ano passado quando teve 15%. Surpreendentemente, em segundo lugar ficaram os produtos da categoria Saúde e Beleza com 12%, sendo que essa categoria nunca havia ocupado as primeiras posições do ranking. A categoria Informática obteve 11% de representatividade, ficando em terceiro lugar, e Telefonia Celular em quarto, com 7%.

Essa diferença no ranking de produtos mais vendidos em 2008, comparado ao ano anterior, pode ser compreendida por alguns fatores. A admirável participação da categoria Saúde e Beleza, por exemplo, pode ser explicada pela maior possibilidade de os homens terem comprado produtos dessa categoria para presentear suas namoradas, uma vez que fazem parte dela Perfumes, Cosméticos, Secadores, Chapinhas, entre outros, que são presentes que agradam bastante o público feminino.

Já a alta na participação dos produtos da categoria Livros (de 15% em 2007 para 22% em 2008) pode ser justificada por um simples fator. Essa categoria sempre foi uma das preferidas pelas mulheres, que podem ter comprado presentes para seus namorados e, na mesma compra, aproveitaram para otimizar o valor do frete, ou seja, por se tratarem de produtos mais baratos compraram mais de um produto, pagando um único frete.

Outra categoria que também dobrou sua participação nesse período foi a de Flores e Cestas, por serem presentes típicos de datas comemorativas como o Dia dos Namorados.

Fonte: Jornal da Mídia

Sobre Tiago Capatto

Conheça meu trabalho www.impressao3dprinter.com.br

Publicado em 26 de junho de 2008, em E-commerce e marcado como . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: